Motoristas de aplicativo farão paralisação na próxima segunda (15)

Motoristas de aplicativo farão paralisação na próxima segunda (15)

A ação ocorrerá de forma coordenada e os motoristas de aplicativo de todo o país irão desligar seus aplicativos em protesto

Uma paralisação dos motoristas de aplicativo em todo Brasil está programada para a próxima segunda-feira (15.mai.2023). Segundo a Associação dos Motoristas Autônomos por Aplicativos do RN (AMAPP-RN), a ação ocorrerá de forma coordenada e os motoristas de aplicativo de todo o país irão desligar seus aplicativos em protesto contra os baixos ganhos da categoria.

A principal reivindicação dos motoristas é pelo aumento da tarifa mínima paga aos trabalhadores – para o valor de R$ 10 – que segundo eles, está defasada há anos e não cobre mais os custos necessários para a realização do trabalho. Eles reivindicam também um maior valor pelo quilômetro rodado e pelo tempo da viagem.

“Nos últimos anos os profissionais vêm sofrendo uma severa diminuição na rentabilidade do seu trabalho, sem que as plataformas promovam nenhuma espécie de reajuste significativo para seus ganhos, fato que tem provocado a insatisfação dos motoristas e até a desistência de alguns de continuarem prestando o serviço, o que acaba refletindo na diminuição da oferta de veículos para os passageiros e os altos índices de cancelamento de viagens”, diz a nota da AMAPP-RN.

A associação aponta que a paralisação será “a maior da história dos aplicativos de transporte de passageiros”.

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Assine nossa Newsletter

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês