Hóspede é condenado a pagar R$ 20 mil por agredir segurança de hotel em Natal

Hóspede é condenado a pagar R$ 20 mil por agredir segurança de hotel em Natal

Juiz considerou que agressões foram motivadas por recusa de uso de equipamento de segurança

Um hóspede de um hotel na Via Costeira, em Natal, foi condenado a pagar R$ 20 mil por danos morais a um segurança do local. O homem foi agredido com socos e xingamentos após impedir que o hóspede utilizasse a tirolesa do hotel sem os equipamentos de segurança necessários.

O caso aconteceu em maio de 2022. O segurança relatou que estava em serviço quando o hóspede, que estava sob efeito de álcool, insistiu em descumprir a regra para uso da tirolesa. Ao tentar impedir o acesso do hóspede ao equipamento, o segurança foi agredido.

O juiz responsável pela decisão considerou que as agressões foram motivadas pela recusa do hóspede em seguir as regras do hotel. “A agressão gera dor física e moral, pois representa humilhação, desrespeito e descaso com uma pessoa que não empreendeu nenhum ato que justificasse tal reação”, afirmou o magistrado.

A condenação foi baseada nos depoimentos da vítima e do réu, e nas provas documentais apresentadas no processo. O hóspede ainda pode recorrer da decisão.

Foto: EKATERINA BOLOVTSOVA/Pexels/Ilustração

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

MAIS LIDAS DO DIA

Assine nossa Newsletter

Casas Bahia abre vagas para PCD no Nordeste São João em Natal: Edição 2024 será mais modesta, diz prefeito Pesquisa Prefeitura de Natal 2024: Carlos Eduardo lidera levantamento do Instituto Seta MPRN recomenda que governo do RN não aumente salários nem faça concursos para evitar colapso fiscal Midway Mall comemora 19 anos com sorteio de três BYD zero quilômetro e desfile de moda Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal