Material escolar fica 18% mais caro em Natal

Material escolar fica 18% mais caro em Natal

Pesquisa do Procon Natal aponta aumento nos preços de itens essenciais para o início do ano letivo

Uma pesquisa realizada pelo Procon Natal entre os dias 26 e 29 de dezembro de 2023 constatou um aumento de 18% no preço do material escolar em relação à pesquisa anterior, realizada em setembro do mesmo ano.

O levantamento, que analisou os preços de 32 itens de papelaria, como apontador, borracha, caneta esferográfica, cola plástica e cola bastão, canetas hidrográficas, lápis cera, gizão de cera, lápis de cor, lápis preto nº. 2, tinta guache, régua plástica, cadernos, tesoura, papel tamanho ofício e A4 (resma e cento), entre outros, apontou que o preço médio do material escolar passou de R$ 148,06 para R$ 181,63.

O aumento foi registrado em todos os itens pesquisados, com destaque para caneta hidrográfica (42%), resma de papel A4 (2%) e caderno universitário (17%).

O Procon Natal orienta os pais e responsáveis a pesquisarem os preços antes de comprar o material escolar, tanto no comércio varejista quanto no atacadista. A pesquisa completa pode ser acessada no site do órgão.

Além disso, o Procon lembra que as escolas não podem escolher marcas de itens da lista de material escolar, obrigar os pais a comprarem na secretaria da escola ou cobrar taxas extras ou materiais de uso coletivo.

Caso o consumidor se sinta lesado, pode procurar o Procon Natal para registrar uma denúncia.

Foto: Alessandro Marques – Procon Natal

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Assine nossa Newsletter

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês