DOC e TEC chegam ao fim

DOC e TEC chegam ao fim

Após 40 anos, sistemas de transferências bancárias foram descontinuado

O Documento de Ordem de Crédito (DOC) e a Transferência Especial de Crédito (TEC) deixaram de ser processados no Brasil na última quinta-feira (29.fev.2024). A medida, anunciada pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban), marca o fim de uma era nas transações bancárias, dando lugar ao Pix, sistema instantâneo e gratuito do Banco Central.

Criado em 1985, o DOC permitia a transferência de recursos entre contas de diferentes bancos, com a transação sendo concluída no dia útil seguinte. Já a TEC, criada em 1997, era utilizada por empresas para pagamento de salários e benefícios.

No entanto, ambos os sistemas perderam espaço para o Pix, lançado em 2020. A instantaneidade, gratuidade e praticidade do Pix o tornaram a opção preferida dos brasileiros para transferências bancárias.

Dados comprovam a migração

Segundo a Febraban, no primeiro semestre de 2023, o DOC representou apenas 0,05% do total de transações bancárias no Brasil, enquanto o Pix respondia por 47%. Em números absolutos, foram 18,3 milhões de transações via DOC contra 17,6 bilhões via Pix no mesmo período.

Futuro das transferências bancárias

Com o fim do DOC e da TEC, a TED (Transferência Eletrônica Disponível) se torna a principal alternativa para transferências de valores entre diferentes bancos. A TED permite transações instantâneas até as 17h dos dias úteis, com custo variável de acordo com a instituição financeira.

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil/Arquivo

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês