Brisanet recebe financiamento do BNDES de R$ 146 milhões para ampliar serviços 5G

Brisanet recebe financiamento do BNDES de R$ 146 milhões para ampliar serviços 5G

Telecom vai usar os recursos na cobertura da tecnologia 5G/FWA em comunidades periféricas da Grande Fortaleza

A Brisanet, líder em provimento de serviços de internet e telecomunicações na região Nordeste, deu um passo a mais na sua trajetória de expansão e compromisso com a inclusão digital. Isso porque, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, através do Comitê de Crédito e Operações, autorizou a concessão de crédito à companhia no valor global de R$ 146,1 milhões, provenientes do Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (FUST), no âmbito do Programa BNDES FUST.

Os recursos levantados serão direcionados para a ampliação, aplicação e aperfeiçoamento das redes e serviços de telecomunicações, assim como para a pesquisa e implementação de novas tecnologias de conexão, com foco especial na tecnologia 5G/FWA. Essas iniciativas têm como objetivo primordial a redução das disparidades regionais e o estímulo ao progresso econômico, social e tecnológico.

O projeto inclui 95 torres de telecomunicações e 95 ERBs (Estações Rádio Base) para a expansão da cobertura do Serviço Móvel Pessoal (SMP), através da propagação do sinal 5G, alcançando mais de 200 mil pessoas em 168 localidades de comunidades nas cidades de Fortaleza, Caucaia, Maracanaú e Maranguape, todas localizadas no estado do Ceará. Além disso, o projeto contempla a instalação de 50.000 modens FWA (Fixed Wireless Access), que permitem fornecer banda larga sem utilização de fios, usando links de rádio entre uma torre de celular e o domicílio do cliente.

Para Roberto Nogueira, CEO da Brisanet, com essa novidade a empresa reafirma o seu compromisso em fornecer acesso à internet de qualidade a todas as localidades, independente da sua localização geográfica. “A inclusão digital sempre foi nosso maior propósito e o principal motivador da ascensão da Brisanet. Há mais de 25 anos, temos investido no Nordeste por enxergar o potencial e as oportunidades que essa região nos oferece. Agora, com o apoio dos recursos do FUST, estamos determinados a ir ainda mais longe, ajudando a levar, com inovação e tecnologia, conectividade onde ela é mais necessária. Este é apenas o primeiro projeto nessa parceria. Contamos com esse relevante apoio do Programa BNDES FUST para continuar e multiplicar esse impacto por todo Nordeste e Centro-Oeste do Brasil”, afirma.

SOBRE A BRISANET

Com 25 anos de mercado, a Brisanet é sediada em Pereiro (CE) e atua como provedora de internet banda larga, operadora móvel (4G/5G), streaming de música, tv por assinatura e telefonia fixa. De acordo com a Anatel, a telecom é líder em market share de banda larga fixa na região Nordeste. A Brisanet promove inclusão social e tecnológica e, atualmente, já atende em 158 cidades e nove estados do Nordeste (Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe), totalizando mais de 1,3 milhão de assinantes em banda larga fixa com uma infraestrutura de rede própria. A empresa é listada na B3 e possui licença da Anatel para operar com a tecnologia 5G no espectro de 3,5 GHz (Nordeste e Centro-Oeste) e 2,3 GHz (Nordeste).

Foto: Divulgação

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Assine nossa Newsletter

Midway Mall comemora 19 anos com sorteio de três BYD zero quilômetro e desfile de moda Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar