Casos de dengue no RN aumentam 27% no primeiro trimestre de 2022

Casos de dengue no RN aumentam 27% no primeiro trimestre de 2022

Houve um aumento de 27% no número de casos de dengue no RN nestes primeiros três meses de 2022. É o que aponta o boletim epidemiológico das arboviroses divulgado nesta terça-feira (29.mar.2022) pela Secretaria de Estado da Saúde Pública do RN (Sesap).

O crescimento dos números da dengue no RN é em comparação ao mesmo período do ano anterior no estado. Os dados foram contabilizados até o dia 12 de março. Desses, 1.252 foram considerados casos prováveis, além de outros 502 que foram descartados. Segundo a Sesap, um óbito pela doença está em investigação. A incidência apresentada pela doença foi de 35,16 casos prováveis por 100 mil habitantes.

Seis municípios concentram o maior número de casos de dengue no RN

Os municípios que apresentaram maior incidência de dengue foram Passa e Fica, Santo Antônio, Serrinha e Várzea (1ª Região de Saúde) e Jardim do Seridó e Parelhas (4ª Região de Saúde). Tanto a dengue quanto as demais arboviroses registraram aumento de notificações. Outro perfil que se alterou foi em relação à localização dos casos, segundo a Sesap.

“Em 2021, percebemos que as notificações ocorriam muito na Região do Trairi (5ª Região de Saúde), porém, neste ano, as notificações estão maiores na Região Agreste, onde se situa a 1ª Região de Saúde, bem como na Região do Seridó, que corresponde à 4ª Região de Saúde”.

Foto: Reprodução/Internet

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.