Tribunal de Justiça nega habeas corpus a Ivênio Hermes, preso após disparar contra casa de vizinho

Tribunal de Justiça nega habeas corpus a Ivênio Hermes, preso após disparar contra casa de vizinho

O desembargador Expedito Ferreira, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJ-RN), negou o pedido de habeas corpus solicitado pela defesa do ex-coordenador de Análises Criminais da Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Norte (Sesed/RN), Ivênio Hermes. Ele foi preso na noite da-segunda-feira (8.nov.2021) após se envolver em uma discussão com um vizinho em seu condomínio, em Natal.

A defesa de Ivênio pediu a liberação do ex-coordenador sem o pagamento de fiança ou com redução do valor estabelecido durante a audiência de custódia realizada na última terça-feira (9.nov.2021), de 40 salários mínimos.

Foto: Divulgação/ TJRN

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.