Street

Rayssa Leal, a Fadinha, é campeã da 2ª etapa da Street League nos Estados Unidos

Rayssa Leal, a Fadinha, é campeã da 2ª etapa da Street League nos Estados Unidos

A brasileira Rayssa Leal sagrou-se campeã da segunda etapa da Street League de skate, circuito mundial da modalidade, neste sábado (30) em Lake Havasu, no Arizona (Estados Unidos).

Após ser ultrapassada na rodada final pela japonesa Momiji Nishiya, campeã nas Olimpíadas de Tóquio (Japão), a maranhense de 13 anos obteve a nota de 6,3 (seis décimos acima do que precisava) na última chance e ficou com o troféu. Pâmela Rosa ficou na quarta posição e Gabriela Mazetto terminou em sexto.

A Rayssa Leal, que nasceu na cidade de Imperatriz (Maranhão), já havia conquistado a primeira etapa da Street League de skate, em Salt League City em agosto.

Com informações da Agência Brasil

Foto: Reuters/Toby Melville/Direitos Reservados

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, é campeã da 1ª etapa do Campeonato Mundial de Skate; é o primeiro título após Tóquio

Rayssa ‘Fadinha’ Leal é campeã da 1ª etapa do Campeonato Mundial de Skate; é o primeiro título após Tóquio

Medalha de prata nas Olimpíadas de Tóquio, Rayssa Leal, a “Fadinha”, é campeã da primeira etapa do Campeonato Mundial de Skate Street. A competição ocorreu neste sábado, 28, em Salt Lake City, nos Estados Unidos. Com um total de 21 pontos, brasileira superou a japonesa Funa Nakayama e a holandesa Roos Zwetsloot. A outra brasileira na final, Pâmela Rosa, terminou em quarta posição, com 16.4 pontos.

Na primeira volta, Rayssa caiu do skate, mesmo assim recebeu a segunda maior nota da bateria, com 4.5, ficando atrás somente da japonesa Momiji Nishiya, que recebeu 4.9 – Pâmela anotou 2.4. Já nas manobras, Rayssa marcou 5.7 e seguiu no pelotão de cima. Ao mesmo tempo, Pâmela recebeu 5.6 – em seguida, a Fadinha conseguiu assumir a liderança com um 6.6.

Depois de um 5.9 de Rayssa e um 6.2 de Pâmela, a dupla brasileira avançou para as rodadas finais. Pâmela falhou em sua manobra e terminou a competição em quarto lugar. Rayssa chegou à reta final em terceiro, disputando ponto a ponto com Nihiya e a neerlandesa Roos. A brasileira virou a tabela na última manobra, com 8.5 pontos, sua nota mais alta, ficando com o título.

De acordo com o portal Globo Esporte, a “Fadinha”, de 13 anos, foi a primeira mulher a acertar a manobra que decidiu o confronto em competição. “Muito obrigada! Gente, muito obrigada por tudo. Amo todos vocês. Valeu pela torcida. Bora, Brasil!”, gritou a menina no final da competição.

Foto: Reprodução/Instagram/Rayssa ‘Fadinha’ Leal

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

É #FAKE que o Midway Mall vai cobrar pelo estacionamento Como consultar valores a receber com o Banco Central Morre Marília Mendonça após acidente aéreo; veja fotos CINCO deputados do RN votam pelo furo do teto de gastos Após rompimento de parceria com o Flow Podcast, hackers invadem iFood, trocam nome de restaurantes e dão apoio a Bolsonaro Azul mira compra da Latam Airlines e visa à criação de gigante sul-americana Homem se dá mal após tentar jogar drogas pela janela em Mossoró Adolescente de 16 anos é suspeito de matar os próprios irmãos, de 2 e 4 anos, no Rio de Janeiro Preço da gasolina sobe 47% em 2021 e já custa R$ 7,29 em Natal após novo reajuste Cidade faz ‘recall’ de vacinação após enfermeira da Cruz Vermelha injetar água e sal na população Mulher dá à luz dentro de elevador de condomínio na Grande Natal Operação Falsos Heróis: Polícia Federal deflagra 2ª fase de operação contra contrabando de cigarros; um policial foi preso e outro afastado